sábado, 28 de abril de 2012

Cigarritcho

Queira ou não

um cigarritcho substitui o pão.


Quando a fome aperta

a fumaça resolve.


Se o frio te esfaqueia

brasa quente incendeia.


Um golitcho de cana

pra virar sussuarana.


O álcool queima as tripas

aquece a barriga vazia.


E se você não sente dó

é porque ainda não viveu o pior.


23 horas e 1 minuto de 19 de dezembro de 2011.

Um comentário:

  1. Nu, cru e verdadeiro. Como os demais poemas postados.

    ResponderExcluir